Inútil faxina


Mandaram-na varrer aquelas ideias da cabeça.

Apesar de alguma relutância inicial, não demorou muito para que acreditasse que era mesmo o certo a se fazer. Obedeceu. Pôs-se a varrer as ideias, com força, produzindo um som rascante a cada movimento com a vassoura, um ritmo desvairado, varrendo, varrendo...

Quando já estava à porta, pronta para empurrá-las para fora, um vento soprou contrário e mandou as ideias recém-varridas de volta para dentro. Isso aconteceu mais quatro vezes. Depois da quinta tentativa, ela trancou a porta barrando o vento, feliz pelo que julgava ser uma bela defesa mas, ao mesmo tempo, plenamente ciente de que o problema não fora resolvido. Tomada por um súbito cansaço, juntou as ideias com a vassoura novamente; agora, entretanto, levando-as para debaixo do sofá. Não era uma atitude louvável: ela sabia que sempre estariam ali e, mesmo que por um milagre as esquecesse, iria reencontrá-las algum dia. Como, então, seria?

10 comentários:

  1. Tudo de que um sentimento precisa para agigantar-se dentro de nós é que lutemos contra ele.
    GK

    ResponderExcluir
  2. Minha situação nesse exato momento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que consiga lidar com suas ideias melhor do que a personagem :)

      Excluir
  3. Que coisa mais linda e delicada Larissa.


    Parabéns.


    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir
  4. Ótimo! Kk
    Às vezes é melhor deixar as ideias debaixo do tapete vai que a gente decide reciclá-las algum dia rs
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Melhor guardá-las, pois de fato pode-se um dia necessitar, não adianta querer apagar o que necessariamente volta a si mesmo.
    Beijos querida.

    ResponderExcluir
  6. Que lindo, saudade dos seus textinhos adoráveis!
    Sempre que da, tento dar uma passadinha aqui para ler :)
    xoxo

    - ☯ Jupiter Moon ☽

    ResponderExcluir
  7. Acho que tentar varrer ideias da nossa cabeça é muito difícil. A gente acaba prendendo esses pensamentos. Eu mesma quando estou tendo pensamentos ruins, só respiro fundo e deixo ir, porque lutar contra só vai fazer com que eles tentem ficar, só vai prendê-los mais aqui dentro.

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  8. Teus textos e poemas são sempre ótimos, mas as imagens são muito poderosas.
    Saudações!

    ResponderExcluir
  9. Aprecio o tempo em que tu me oferece a superfície do pensamento e deixa que eu me aprofunde por minha conta. Isso é escrever pro mundo e descrever a arte das tuas imagens. Isso é sério.

    ResponderExcluir