Sina Severina


"Desde que estou retirando
só a morte vejo ativa,
só a morte deparei
e às vezes até festiva
só a morte tem encontrado
quem pensava encontrar vida,
e o pouco que não foi morte
foi de vida Severina"

Foi para mim uma lição, Severino, acompanhar sua descida... Saltando de conta em conta, passando de vila em vila; sob um sol de sol a sol, entre o pelo hirsuto da Caatinga. No caminho de chão seco, tantas mortes... Tantas mortes contrastando com tristes vidas! E vidas que se aproveitam da morte para continuar sendo vividas. Apesar dos sacrifícios dessa sina Severina — e dos desânimos, questionamentos, incertezas infinitas —, você conseguiu uma resposta bela, Severino, do sábio Mestre Carpina... Uma resposta que tomei para mim, e que comigo está ainda: a resposta é a própria vida.

Morte e Vida Severina em Desenho Animado é uma versão audiovisual da obra prima de João Cabral de Melo Neto, adaptada para os quadrinhos pelo cartunista Miguel Falcão. Preservando o texto original, a animação 3D dá vida e movimento aos personagens deste auto de natal pernambucano, publicado originalmente em 1956. [TV Escola]


3 comentários:

  1. Muito bom dia Lari..
    já tinha ouvido o nome do autor, mas nunca li a obra mencionada..
    temas que abordam a morte sempre mexem com as pessoas pq a mesma simplesmente é.. vem na hora que quer leva quem quiser..
    adorei teu comentário. o soneto que fiz tem uns anos já.. já falei várias vezes e tua observação é sempre profunda.. tu sabe o que diz, sabe o que faz .. esta no caminho certo.. pude ouvir umas coisas de seres que trabalham com energias que logo vai dar uma pane geral nessa coisa chamada internet.. satélites.. então nós que estamos abertos e preparados não vamos sofrer tanto né.. mas tem gente que vai ficar louca.. ontem mesmo estava vendo o jogo de volei na sportv.. achei o fim sabe.. as pessoas não se dão mais o prazer de ver um esporte, não existe mais lazer, não existe mais nada.. vi tanta gente na arquibancada nem ai pro jogo.. lá alisando o celular.. crianças pequenas a mesma coisa.. tá ridículo sabe.. mas cada um é cada um.. uma hora vem a lição.. tenha um lindo dia.. boas festas a vc.. bjs e até sempre

    ResponderExcluir
  2. Parabéns à fundação Melo e a TV Escola por esse grande trunfo da cultura brasileira. Ainda não tive a oportunidade de ler Morte e Vida Severina, mas sou ator e em diversos festivais de teatro por Minas assistir à diversas montagens de espetáculo de mesmo nome e da mesma obra. Muito bom! :3

    ACESSO PERMITIDO.
    http://acessopermitidoblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Boa noite Lari *.* A obra é incrível, fui obrigado a estudá-la durante a antiga faculdade, não só a obra em si, mas conceitos filosóficos e até sócio-culturais envolvidos, um tema difícil, sensível e com várias máscaras da real história.

    Isso aí.
    xoxoxo

    ResponderExcluir