Preces de uma noite de insônia


Que os sons da rua abafem as confissões que faço ao travesseiro. Que o travesseiro aconchegue minha cabeça tão cheia de sonhos. Que os sonhos, que tanto me consumiram durante o dia, sejam pegos pelo meu subconsciente e transformados nos delírios imprecisos que alimentam a noite. Que a noite aproveite de sua escuridão temporária para fazer minha cegueira perante aos problemas que me tiram o sono. Que o sono recaia pesadamente sobre meu corpo, esmagando meus receios sem que me seja tirado o ar da respiração. Que minha respiração, agora lenta, ensine o ritmo ideal de trabalho aos ponteiros do relógio. Que o relógio não me desperte antes que meus pés sosseguem sob os cobertores. Que os cobertores aqueçam meu coração até que este se dilate para grandes amores.

(Mas que nenhum grande amor torne a ser responsável pelas olheiras das minhas longas insônias.)

8 comentários:

  1. Bom dia querida Lari... tu é sempre muito expressiva no que diz.. pensamentos mil em vc sempre bem direcionados.. pensamentos nos consomem dia e noite.. mas que sempre possamos atrair somente os posititos pois este fazem tudo acontecer em nossa vida. numa postagem anterior disse algo referente a problemas no pc se não me engano.. pois acho que o meu aceito isso rssr se foi.. deu para trás o infeliz que ligava e a tela ficava congelada.. que fim... lá vai grana embora pelo ralo srrs bjs de bom dia e que teus sonhos sejam sempre doces como o teu pensar..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, assim como você, tive problemas com o que eu chamava de "(O) PC Oficial (Daqui de Casa)". E, para ser sincera, também como você não tive meus problemas solucionados... Quero dizer, não exatamente. Precisei de uma solução alternativa - no caso, instalar um roteador por aqui, e prosseguir usando apenas o notebook. Mas esses problemas com aparelhos são complicados, mesmo, haha. Afinal, vivemos num adorável mundo consumista onde tudo é feito especialmente para durar pouco!

      Obrigada pelo comentário! Poxa, 2 semanas afastada... Como eu estava com saudade de postar meus textos por aqui!

      Excluir
    2. rsrs pois é Lari.. mas digamos que o meu até que fez a parte dele.. tinha 8 anos já.. porém este que tinha era um que estava de amostra.. na época me mandaram um de fábrica todo lacradinho e tal mas com uma surpresa.. não tinha o hd rsrs é o fim né.. voltei na loja ia quebrar na frente da gerencia.. dai me deram este que era de amostra e ai a gente vê que a coisa é duradora.. estou no note velho e não curto essa coisa aqui.. tenho tantas obras para passar para kindle e nisso aqui é o fim.. o roteador é problema mesmo.. um raio queimou as entradas do nosso tempos atrás.. espero que tudo fique bem.. e tu enquanto vá buscando tuas inspirações.. até sempre moça querida

      Excluir
  2. Lindo texto, são mesmo essas preces que são necessárias naquelas noites deprimentes que não se consegue dormir.
    Muito bem escrito, você tem mesmo um talento.
    Beijos.

    http://passarosnooutono.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  3. Tão bem escrito, tão realista e tão poético ao mesmo tempo. Adorei :3
    crazy-reckless

    ResponderExcluir
  4. Que lindo Lari! Me identifiquei tanto com esse texto, sei lá, era como se você estivesse me descrevendo!
    Ah, e que bom que você voltou! Eu queria muito que você lesse "coisa que escritor idiota nenhum compra" que eu escrevi e queria sua opinião! :D
    E que bom que você voltou! õ/
    Sel do Jovens Gordinhas

    ResponderExcluir
  5. Ai, soa como uma linha tênue entre a realidade e o delírio rs não de forma objetiva, mas figurando o antes e o depois de uma paixão ou a solidão. Ai, poético <3

    o/
    xoxoxo

    ResponderExcluir
  6. Lindo e criativo! Que a noite seja um mergulho nos sonhos... E que estes sonhos salvem os nossos dias...

    ResponderExcluir